Você vive momentos únicos com seu pai. A Dimona transforma eles em presentes

Escolha seus produtos e personalize seu presente

Aqui na Dimona você tem diversas opções de produtos, cores e preços para estampar sua arte e personalizar o presente do seu pai!

Ver catálogo completo

Personalize o seu presente

Quer dar um presente diferenciado para o paizão, mas não sabe como fazer? A gente te ajuda! ;D Com as nossas estampas pré-prontas, você pode modificar o que quiser e demonstrar seu amor do seu jeito!

Personalize do seu jeito

Histórias de Paizão

Manias, apelidos, músicas, piadas, frases, imagens, fotos… Tantos momentos que vivemos com nossos pais que não cabem em uma estampa. Mas ela é uma forma de demonstrar toda essa conexão e amor.

Conheça algumas Histórias de Paizão:

Luiz, o paizão do Leo!

O Luiz sempre sonhou em ser pai e o sonho se tornou realidade com a chegada do Leo. Foi só alegria! Quando descobriu o autismo do Leo, sua vida mudou, e ele encontrou no filho uma nova forma de ver o mundo: com menos expectativas, e um novo olhar de aceitação sobre as formas de ser de cada um :) Como diz o Luiz, o Leo é o seu sol!

Mario e Eduardo, o pai e o padrasto do Léo

Olha a sorte grande do Léo: além de ter um paizão biológico, ainda tem um padrasto incrível, que o trata como se fosse um filho. O Léo conseguiu crescer aprendendo muito com ambos e ainda ser um pouco de cada um. Hoje, ele é a mistura de grandes homens que são suas referências de como ser um grande pai.

Luis, pai do Igor, Eric e Karine, e vovô do Lior

Luis compõe a segunda geração da Dimona, dando continuidade ao legado do seu pai. Compartilha amor e conhecimento de pai pra filho e de filho pra neto.

Nei, o presente da Larissa, Paulo César, Luíza e Izabel

Um pai de primeira viagem que precisou aprender a ser pai e mãe ao mesmo tempo. Essa é a história do Nei, que cuidou sozinho da filha Larissa, desde que a mãe a deixou quando ela tinha apenas 9 meses. Mesmo sem condições financeiras na época, ele se dedicou ao máximo para que nada faltasse para a filha. Foi pai e mãe, mas, mais do que isso, foi presente. Além de Larissa, hoje já adulta e morando em outro estado, ele tem mais 3 filhos, o Paulo César, Luíza e Izabel.

Lucho, o super pai da Rubi e do Ikki

“Caramba, eu tenho uma filha!”é a frase de todo dia do Lucho ao acordar e segurar a sua filha Rubi. Um sonho que se realizou e pelo qual faz com que ele sinta que todo esforço de dar o seu melhor nos dias bons e ruins valem a pena. E, antes de Rubi nascer, seu cão Ikki já era o seu pequeno. Ser recebido pela animação fora do comum de seu filho peludo é, como ele diz “um indicador de que o esforço, a atenção e o amor estão valendo a pena”. Os dois são o sentido da vida do paizão Lucho.

Ailton, o melhor amigo da Clara e da Catarina

Imagina um pai que deixa de assistir ao futebol ou deixa de trabalhar para brincar por horas com as filhas! Esse é o Ailton, paizão da Clara e da Catarina. Ele faz o que é preciso para cuidar e passar tempo com as meninas. Seja nas lições do colégio, na hora da bronca, no momento de ouvir o que elas têm a dizer e até mesmo na hora de rezar com elas antes de dormir. E, é claro, as duas são imensamente felizes por ter um pai tão amigão assim.

Renato, o exemplo do Heitor e Henry

Ser vendedor ambulante e trabalhar todos os dias na praia não é tarefa simples. Mas nem por isso o Renato deixa de estar com os filhos Heitor e Henry. Aos domingos, ele sempre leva os meninos para brincar na praia enquanto trabalha. Uma das lições que ele faz questão de mostrar para eles é, como ele diz, “Sempre estar mais forte e olhar para frente”.